REFRIMAQ

REFRIMAQ

quinta-feira, 13 de fevereiro de 2020

EM LAJEDO, PE - OPERAÇÃO TERMINA COM A PRISÃO DO TERCEIRO ACUSADO DO ASSASSINATO DE MINIA SILVÂNIA, 1 KG DE MACONHA FOI APREENDIDA


Uma operação conjunta entre as policiais civis de Lajedo e Canhotinho, com ajuda da polícia militar, conseguiu prender o terceiro acusado do latrocínio de Mineia Silvânia da Silva, ocorrido no dia 09/01/2020, na cidade de Canhotinho/PE.

De acordo com a polícia civil, o acusado Edivânio Campelo do Nascimento, vulgo "Galego de Neves", foi preso dentro do Ceala, na cidade de Lajedo, no Agreste de Pernambuco. No momento da prisão ele estava bebendo em um bar. Ainda uma motocicleta de marca Honda, Bros de placa OYQ-8317, foi apreendida.

Contra Edvânio existem dois mandados: um de busca e apreensão por homicídio, que teve como vítima Fernando Sobral, no dia 17/01/20, em Lajedo, e outro por latrocínio praticado em Canhotinho. 

Na delegacia, a motocicleta ao ser analisada, os policiais encontraram 05 (cinco) big-bigs de maconha e 04 (quatro) pedras de crackm escondidas em um compartimento secreto da moto. O acusado informou que repassava a droga para um menor que reside no povoado de Neves, na cidade de Jucati, tendo como local de vendas as cidades de Jupi e Jucati, e que esse menor fazia a guarda e a venda da droga.

Durante as diligências, o menor de 16 anos foi encontrado, ele disse que não vendia as drogas, mas que o Edvânio as guardavam na sua casa, na rua Gercino Marcolino da Rocha, no povoado Neves. Na residência foi encontrada 1 quilo de maconha enterrada no quintal, e ainda 15 (quinze) big-bigs de maconha pronta para venda, mais a quantia de R$ 250,00 (duzentos e cinquenta reais), oriundas da venda da droga.

Edvânio estava residindo no sítio Serrinha, zona rural da cidade de Jupi, onde foi feito uma revista. Ele ainda confessou que a venda da droga renderia R$ 7.000 (sete mil reais).

Edvânio e o menor foram levados para delegacia. Contra o menor foi lavrado um auto de apreensão em flagrante delito e em seguida liberado. Contra o Edvânio foi dado cumprimento aos 02 mandados de prisão, sendo também, autuado em flagrante delito pelos crimes de associação criminosa, tráfico de drogas e corrupção de menor.

Nenhum comentário:

Postar um comentário