quinta-feira, 8 de agosto de 2019

EM GAMELEIRA, PE - MÃE FOI PRESA APÓS DESENTERRAR CORPO DO FILHO E ANDAR COM ELE PELAS RUAS DA CIDADE


Uma mulher de 32 anos foi presa após desenterrar o corpo do filho de dois meses em Gameleira, na Mata Sul de Pernambuco. O caso que chocou a cidade aconteceu por volta de 1h desta quarta-feira (7), quando ela pulou o muro do cemitério e violou o caixão após cavar um buraco usando uma enxada e uma pá esquecidas no local pelo coveiro. A criança tinha sido sepultada na noite anterior após morrer por suspeita de infecção.

Sem aceitar a morte do filho, a mulher colocou o corpo da criança nas costas e percorreu as ruas da cidade durante a madrugada até parar na maternidade municipal, que funciona durante 24 horas. Acionada pelo Conselho Tutelar, uma equipe da Polícia Militar encontrou a mãe dentro de uma ambulância com o falecido bebê em seu colo.

Após conversar com ela, os policiais conseguiram convencê-la a entregar o corpo da criança aos profissionais de saúde. O cadáver foi colocado no necrotério da maternidade. Informações iniciais apontam que existe um impasse entre autoridades locais em relação ao que fazer com o corpo.

Em nota, a PM informou que a mãe do bebê foi levada para a Delegacia de Plantão de Palmares. O delegado seccional da cidade, Frederico Marcelo, confirmou a autuação em flagrante por crime de vilipêndio a cadáver e que ela seria encaminhada a uma audiência de custódia. A assessoria de comunicação do Tribunal de Justiça de Pernambuco não soube informar se a mulher passou por audiência nesta quarta porque o expediente no Fórum de Palmares já estava encerrado.

Fonte: Portal OP9

Nenhum comentário:

Postar um comentário