ERGO 30

ERGO 30

Comunidade Esperança

Comunidade Esperança

segunda-feira, 5 de março de 2018

EM LAJEDO, PE - EPIDEMIOLOGIA ALERTA POPULAÇÃO PARA ATITUDES DE EDUCAÇÃO EM SAÚDE

"Manter Lajedo longe do mosquito é um trabalho de todos"

As chuvas estão chegando e o calor associado a esse fator aumentam as chances de proliferação do mosquito Aedes Aegypti. Os trabalhos da Secretaria Municipal de Saúde e da Vigilância Epidemiológica não param. Todos os dias é feita a visita nas residências e terrenos baldios para aplicação do veneno e monitoramento, e uma vez por semana, uma localidade que não tem agente recebe a aplicação de UBV (Ultra Baixo Volume). Mas é importante que esse trabalho receba a colaboração da população.

Registramos os agentes de endemias no centro da cidade fazendo o tratamento focal. Mesmo visitando periodicamente cada residência, alguns reservatórios de água apresentam as larvas do mosquito transmissor de Dengue, Zika e Chikungunya. Por isso, a população deve cuidar dos quintais, vasos de plantas, garrafas vazias e manter cisternas e caixas d'água limpas e bem fechadas. "Esse trabalho precisa ser feito junto com o povo. O tratamento focal só reduz a incidência de larvas, mas o que evita mesmo a aparição dos mosquitos é limpar os locais, e manter lacrados", avisou o agente epidemiológico.

A Prefeitura está fazendo o trabalho dela. Colabore e também faça o seu como cidadão lajedense.

Nenhum comentário:

Postar um comentário