ERGO 30

ERGO 30

segunda-feira, 28 de agosto de 2017

FIM DE SEMANA VIOLENTO REGISTRA TRÊS TENTATIVAS DE HOMICÍDIO NA MATA SUL

Ao menos três tentativas de homicídio foram registradas em boletins de ocorrências em municípios da Mata Sul nas últimas 48 horas. Os crimes aconteceram em Belém de Maria, Catende e Quipapá, entre o domingo (27/08) e segunda-feira (28/08). Em um dos casos, uma mulher foi agredida com pauladas na cabeça pelo marido.

No bairro da COHAB, em Belém de Maria, na madrugada de hoje, uma mulher foi parar no hospital local com ferimentos graves na cabeça. Interrogada pela polícia no momento em que recebia curativos, a vítima, uma dona de casa de 21 anos, afirmou ter sido agredida a pauladas por seu esposo durante uma discussão.

Em posse dessas informações, o efetivo foi até o endereço da vítima com o intuito de localizar e prender o acusado, mas não o encontrou no local. No quarto do casal, entretanto, os policiais detectaram um pedaço de madeira sujo de sangue, utilizado nas agressões. Durante buscas, o acusado foi localizado na residência de um parente e conduzido à delegacia para prestar esclarecimentos.

Apesar dos ferimentos, a dona da casa não corre risco de morte, de acordo com o boletim médico.

CATENDE E QUIPAPÁ

Já em Catende, mais precisamente no distrito de Laje Grande, uma mãe desesperada chamou a polícia para informar que um elemento conhecido como “Porco” teria efetuado diversos disparos de arma de fogo contra seu filho, que está desaparecido. Ela não soube informar o motivo do ataque.

Uma conversa com populares, no entanto, apontou que a motivação seria um revide, uma vez que a vítima, momentos antes, havia ameaçado “Porco” com uma pistola. Este então foi até sua residência, armou-se com um revólver, e voltou para atirar no rival. A polícia agora trabalha para localizar os envolvidos.

A terceira ocorrência se deu na cidade de Quipapá. A vítima foi um indivíduo de 23 anos, que recebeu atendimento médico no hospital local após ser ferido com quatro facadas: duas nas costas, uma no tórax e outra na região de uma das coxas. Não há informações sobre as causas do ataque, nem sobre a identidade do agressor.

Todos os casos acima relatados foram registrados em boletins de ocorrências nas delegacias dos respectivos municípios.

Nova Mais

Nenhum comentário:

Postar um comentário