ERGO 30

ERGO 30

segunda-feira, 20 de março de 2017

PAI É CONDENADO A 52 ANOS DE PRISÃO POR ESTUPRAR AS DUAS FILHAS

O pai de duas meninas foi condenado a 52 anos de prisão, mais indenização de R$ 10 mil a cada uma das filhas, por estuprá-las durante cerca de seis anos. O crime passou a ser praticado depois que ele se separou da mãe das crianças.

Segundo informações do portal G1, era quando o pai levava as meninas para dormir com ele que a violência acontecia. Os abusos tiveram início quando as garotas tinham 9 e 7 anos.

O crime foi registrado no município de Marechal Thaumaturgo, no Acre. "Não bastasse a violência sexual impingida contra as vítimas, o acusado utilizou-se ainda de violência psicológica para manter sua conduta oculta, acarretando ainda mais danos às vítimas. Segundo elas, o réu dizia que se contassem a alguém, iriam apanhar ou mesmo que se mataria, fazendo isso de forma incisiva na mente das crianças", afirmou a juíza da Vara da Infância e Juventude da Comarca de Cruzeiro do Sul, Evelin Bueno.

Notícias ao Minuto

Nenhum comentário:

Postar um comentário