ERGO 30

ERGO 30

29º Festival da Lavoura

29º Festival da Lavoura

sábado, 14 de janeiro de 2017

MORRE CAPITÃO GILSON CERQUEIRA - GUERREIRO, LUTADOR E AMIGO - O AGRESTE ESTÁ DE LUTO

Morreu na tarde desta sexta-feira (13) no Hospital Monte Sinai em Garanhuns, o Capitão da Polícia Militar, Gilson Marcone Cerqueira, de 41 anos.

Ele passava por um procedimento cirúrgico para implodir um cálculo renal (pedra nos rins), quando sofreu uma parada cardíaca, vindo a óbito.

Gilson estava na Polícia Militar a 18 anos, a maioria dedicados ao 9º Batalhão de Garanhuns, onde comandou as equipes especializadas e por anos esteve a frente do GATI, Gilson deixou o batalhão de Garanhuns em 2015 e foi transferido para o 15º Batalhão sediado em Belo Jardim, assumindo o comando da 2ª companhia de São Bento do Una, e estava atualmente no comando da 1ª Companhia com sede em Belo Jardim.
Nas redes sociais amigos lamentaram a morte precoce do Capitão Gilson, o comando do 15º Batalhão e o presidente do Clube dos Oficiais da PM e CBM de Pernambuco também divulgaram nota de pesar.

Em Lajedo, o prefeito do município Rossine Blesmany, lamentou a morte de Gilson.

Com profundo pesar recebi a notícia de que meu grande amigo Capitão Gilson acabou de falecer na cidade de Garanhuns, durante uma cirurgia. Gilson era um dos policiais mais corajosos, honesto e atuante que conheci durante toda a minha carreira policial. Foi uma perda imensa pra Policia Militar de Pernambuco e pra população da nossa região. Vá com Deus meu grande amigo.

Outro amigo do capitão que lamentou a morte pré-matura foi o ex-delegado de Lajedo e hoje titular em  Goiana, Altemar Mamede Leite.

Desejo aos familiares do amigo e parceiro de lutas policiais Capitão Gilson de Bom Conselho minhas condolências. A sociedade e a polícia de Pernambuco perdem com a saída de cena desse grande homem e profissional. Que ele descanse em paz. Cumpriu sua missão honrosa. Restam a saudade e o grande exemplo. Saudades das nossas lutas juntos e de suas toadas de vaquejadas quando nos encontrávamos em momentos de descontração. Deus o tenha, AMIGO.

Clube dos Oficiais da PM e CBM de Pernambuco.

O Clube dos Oficiais da PM e CBM de Pernambuco recebe com pesar a notícia do falecimento, na tarde de hoje (13), do capitão Gílson Marcone Cerqueira Nogueira, quando submetido a um procedimento cirúrgico no hospital Monte Sinai, em Garanhuns, Agreste do Estado.

Oficial formado na Academia de Polícia Militar do Paudalho e com 18 anos de efetivo serviço na PMPE, sendo declarado Aspirante-a-Oficial no ano de 2001, conviveu entre nós de forma honrosa, destacando-se no desempenho das suas funções em unidades da Polícia Militar de Pernambuco, como Batalhão de Radiopatrulha, 9º Batalhão (Garanhuns) e, atualmente, no 15° Batalhão, em Belo Jardim.

Oficial jovem, casado e pai de três filhos, deixa saudades para toda a família policial militar, além de parentes e amigos, que enlutados choram juntos a morte de alguém muito querido e que em vida, na missão de bem servir à sociedade Pernambucano, escreveu seu nome na causa da Segurança Pública.

CEL PM – Josué Limeira da Silva Jr

Presidente do COPMBM/PE



15º Batalhão da Polícia Militar de Belo Jardim.

O Comando do 15° BPM, com profunda tristeza, comunica o falecimento do capitão Gílson Marcone Cerqueira Nogueira, 41 anos, quando submetido a uma cirurgia para retirada de cálculo renal, no hospital Monte Sinai, em Garanhuns, na tarde desta sexta-feira (13).

Oficial jovem, competente e dedicado à segurança pública, estava há 18 anos prestando valorosos serviços à PMPE. Atualmente, à frente da 1ª Companhia do 15° Batalhão, sediada em Belo Jardim, no Agreste pernambucano.

Casado e pai de quatro filhos, deixa saudades para todos os que tiveram o prazer de tê-lo em seu convívio. Toda família quinzao, além de parentes e amigos, enlutados, choram essa dura perda.

TEN CELl PM – JONAS

Comandante do 15° BPM

Jornalista Paulo Fernando do Agreste Violento.
Ontem e ainda hoje estou sentindo uma das maiores tristezas da minha vida. Fui pego de surpresa pelo desaparecimento do meu amigo Capitão Gilson. Gilson foi daqueles amigos de primeira hora. A nossa amizade começou em meio a uma ocorrência de sequestro, com acidente com vítimas fatais, caminhão pegando fogo e no meio deste fogo nascia a nossa amizade.

Das tantas vezes que nos encontrávamos, fosse no batalhão, na minha ou em sua casa era uma festa.

Gilson, teve um papel importante em minha carreira e no sucesso do Agreste Violento, pois quando o criei não existia a alta tecnologia, e sempre brincávamos, pois dizia que ele era acionista mais não tinha participação nos lucros, costumava dizer que toda vez que sua imagem aparecia o acesso triplicava.

E foi assim meu amigo, até em sua partida você nos deu esses números exorbitantes, eu não precisava deles, precisava do amigo aqui reclamando do outro lado da linha e dizendo que eu tinha o esquecido, que outras matérias que não tinha o mesmo grau de importância já estavam no ar, e logo em seguida voltava a ligação pra dizer que a matéria estava arretada.

Vá meu irmão, Deus ele sabe todas as coisas e precisou de você para uma missão bem maior, nós estamos aqui aos pedaços mais com a certeza que em breve estaremos juntos e vamos aumentar o número de participantes desta festa.

Tenha a minha eterna gratidão e admiração.

Obrigado por tudo!

Paulo Fernando

Jornalista/Editor do Portal Agreste Violento

Nenhum comentário:

Postar um comentário