ERGO 30

ERGO 30

sábado, 22 de outubro de 2016

GREVE DA POLÍCIA CIVIL DE PERNAMBUCO DUROU MENOS DE 24 HORAS

Na noite dessa sexta (21), em assembleia na sede Sindicato dos Policiais Civis de Pernambuco (Sinpol), a categoria aceitou a proposta do governo de Pernambuco para restruturar o plano de cargos, carreira e vencimentos e encerrou a greve da Polícia Civil antes mesmo de completadas 24 horas de paralisação.A greve já havia sido considerada ilegal pela Justiça.

A restruturação beneficiará servidores ativos e aposentados, equiparando o teto salarial dos policiais civis ao piso dos delegados, com início da implantação em janeiro de 2017 e término até dezembro de 2018.

A composição da nova grade terá a primeira reunião já no dia 25 deste mês, ou seja, na próxima terça-feira. O último encontro está agendado para o dia 10 de novembro. A promessa é que o projeto seja enviado no dia 20 de novembro para a Assembleia Legislativa de Pernambuco, onde será votado.

Entre as pretensões da categoria estão diminuir o prazo para que o policial civil possa chegar ao topo da grade salarial, estender a gratificação da ajuda de custo para os aposentados, permitir o acúmulo com o cargo professor e extinguir todos os processos administrativos da campanha salarial 2015/2016.

FALA O PRESIDENTE DO SINPOL

"A implantação disso aqui foi a maior conquista da história do sindicato. Pegamos o sindicato num momento de crise terrível que passa o estado brasileiro, que niguém tá conseguindo nem a reposição da inflação. E a gente mostrou que, com união e força, indo pra rua, estamos começando a mudar a nossa realidade", disse o presidente da entidade, Áureo Cisneiros.

JC Online

Nenhum comentário:

Postar um comentário