ERGO 30

ERGO 30

Comunidade Esperança

Comunidade Esperança

6ª Festa das Mães

6ª Festa das Mães

sábado, 30 de julho de 2016

JUSTIÇA DE PE ANULA MULTAS DE QUEM NÃO LIGOU FAROL BAIXO DURANTE O DIA

A 3ª Vara da Fazenda Pública da Capital, do Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE), anulou a cobrança de multas emitidas contra motoristas que trafegaram com farol baixo desligado durante o dia em rodovias do Grande Recife administradas pelo governo estadual. A medida beneficia infratores autuados no período compreendido entre o dia 8 de julho, data de entrada em vigor da Lei federal 13.290/16, e o dia 12 do mesmo mês, quando o Departamento Estadual de Estradas de Rodagem (DER-PE) suspendeu as notificações e deu um prazo de 40 dias para a realização de ações educativas.

Durante os cinco dias em que os fiscais cumpriram a lei nas rodovias do Grande Recife, 229 condutores foram autuados. A anulação das multas vai valer, de acordo com o juiz Djalma Andrelino Nogueira Júnior, até o dia 23 de agosto, quando as notificações nas estradas estaduais voltarão a ser feitas.

Com a decisão, a Justiça de Pernambuco acatou uma ação civil pública movida pelo Ministério Público a partir de uma solicitação da Associação Brasileira de Defesa dos Usuários de Veículos (Abuv). O magistrado justificou que não será preciso prorrogar o prazo de suspensão das multas, uma vez que o DER-PE já se comprometeu a melhorar a sinalização nas rodovias e a executar ações para alertar os motoristas.

O juiz alegou que os os motoristas multados foram prejudicados, uma vez que o DER-PE não providenciou, em tempó hábil, o reforço de sinalização. E foi diante da pressão popular que o departamento decidiu ampliar os trabalhos educativos.

A Lei Federal Nº 13.290/2016 tem como objetivo principal reduzir a quantidade de acidentes nas rodovias, garantindo mais segurança para motoristas, ao diminuir os riscos de colisões frontais, e também para motoqueiros, ciclistas e pedestres. A medida, sancionada no dia 24 de maio, vale tanto para as rodovias federais quanto para as estaduais.

Os condutores que descumprirem a nova regra perderão quatro pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e receberão uma multa de R$ 85,13. Em novembro deste ano, o valor passará a ser R$ 130,16, conforme a nova tabela que entrará em vigor .

Confira, abaixo, as rodovias que cortam centros urbanos do estado:

- PE-01, incluindo trecho do Complexo de Salgadinho, em Olinda; da avenida Dr. Cláudio José Gueiros Leite, no Janga, em Paulista; e, da Estrada do Forte, na Ilha de Itamaracá;

- PE-05, do final da Avenida Caxangá, no Recife, até São Lourenço da Mata, incluindo a avenida Belmino Correia, em Camaragibe;

- PE-07, que liga Jaboatão Velho a Moreno;

- PE-08, na Estrada da Batalha, em Jaboatão, após a saída do Aeroporto;

- PE-15, em Olinda e Paulista;

- PE-17, mais conhecida como Estrada da Muribeca, em Jaboatão, nas proximidades do Conjunto Marcos Freire;

- PE-24, a Rota dos Coqueiros, na Praia do Paiva, no Cabo de Santo Agostinho;

- PE-27, mais conhecida como Estrada de Aldeia;

- PE-35, que corta Igarassu, Itapissuma e Itamaracá;

- PE-45, no Centro de Araçoiaba;

- PE-60, no Cabo e em Ipojuca, seguindo até a divisa entre Pernambuco e Alagoas, após São José da Coroa Grande;

- PE-90, em Carpina, Limoeiro e João Alfredo;

- BR-101, no Centro de Abreu e Lima;

- BR-101, no Recife, nas proximidades da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE).

G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário